Vampirella | Premium Format – Sideshow Collectibles [Review]

Personagem

Como já fiz, alguns meses atrás um review da Comiquette da Vampirella (veja aqui), vou copiar o mesmo intróito, uma vez que falamos da mesma personagem…

Vampirella foi criada por Forrest J. Ackerman e Trina Robbins, fazendo sua primeira aparição em setembro de 1969 e sendo publicada por três editoras desde então: Warren Publishing (1969-1983), Harris Publications (1991-2010) e por fim, Dynamite Entertainment (2010 em diante).

Originalmente apresentada como uma habitante do planeta Drakulon, um mundo onde pessoas viviam a base de sangue e onde sangue corria em rios. Drakulon orbitava Sóis gêmeos que estavam causando secas pelo planeta, levando Vampirella e sua raça ao seu, inevitável, fim. A raça a qual Vampirella pertence, os Vampiri, possui o dom de transformar-se, de acordo com sua vontade, em morcegos, “brotar” asas quando necessário e beber sangue.

A história começa com os habitantes de Drakulon morrendo lentamente com a seca e escassez de sangue. Os últimos remanescentes morrem quando uma espaçonave vinda da Terra choca-se contra o planeta. Vampirella é enviada para investigar o ocorrido, é atacada, retaliando, descobre que os astronautas possuem sangue em suas veias. Pensando na sobrevivência de sua espécie, ela consegue pilotar a espaçonave de volta a Terra onde suas aventuras se iniciam. Vampirella se torna uma “boa” vampira, devotando sua energia para livrar nosso mundo dos espécimes “maus” de nossa raça.

A editora Harris Comics reviveu Vampirella na minissérie “Morning In America” (“Manhã na América”), escrita por Kurt Busiek. Logo após isso, ficou estabelecido que Vampirella sofreu uma lavagem cerebral feita por sua irmã e irmão (na história “Mystery Walk” ou, traduzindo livremente “Caminhada Misteriosa”) e levada a crer que ela não era do planeta Drakulon. Ela aprendeu que ela era, em realidade, filha de Lilith, cujos contos medievais judeus apontam como sendo a esposa de Adão. Lilith não se submetia aos desejos de Adão e por isso fora banida do Paraíso. Ela se acasalou com demônios no inferno, dando a luz a vampiros, os quais matariam a prole de Adão e Eva sobre a Terra.

Mais tarde, buscando sua redenção junto a Deus, ela deu a luz a Vampirella, a qual ela enviou a Terra com o desígnio de matar todos os vampiros maus. De acordo com esse relato então, Drakulon é parte do Inferno onde Lilith vivia e governava.

Contando com força sobre-humana, velocidade e ferocidade, Vampirella – como já mencionado – pode transformar-se em morcego e hipnotizar os humanos com seu olhar ardente. Diferente de seus irmãos vampiros, ela não possui fraqueza a luz do dia, água benta, alho, ou artefatos religiosos, porém, seu grande poder reside em sua beleza icônica e irresistível sensualidade.

Detalhes da Peça

Embalagem: Vou logo começar o review com um trocadilho infame, pois aqui temos um verdadeiro “caixão“. Como é de costume comentar nos reviews de estátuas produzidas pela Sideshow Collectibles (sejam as Comiquettes ou as Premium Formats), não há muito como fugir a regra de “caixa de papelão”, “isopor”, “espuma” e “sacos plásticos” protegendo as partes da peça. Comparando com a arte da embalagem da Comiquette, essa embalagem da Premium Format é, sem sombra de dúvida, mais, “sem graça“. A arte em si, em meu entendimento, tenta representar um tipo de atmosfera de um planeta diferente do nosso, de arcausticante” e soloem chamas” e, como não poderia faltar, muitos morcegos. Obviamente, o logotipo estilizado do nome da personagem está presente no topo da caixa. Nada de “exepcional“.

Escultura: A figura é composta basicamente de doze peças, que unidas, dão vida a estátua (treze na versão exclusiva). Como se trata de uma personagem seminua, não existe há necessidade de um detalhamento absurdo nas vestes e o seu corpo “nu”, mas… fui realmente – e gratamentesurpreendido pela equipe de escultores da Sideshow Collectibles. Como está é uma figura em “Mixed-Media” (ou seja, misturando elementos como resina, tecidos e metais), o biquíni da mesma é de tecido e sobreposto a escultura e, como bom pervertido, não resisti a dar aquela “espiadinha” e… mamilossalientes e rosados – nós te amamos Sideshow Collectibles! A base é um trabalho sensacional, retratando o solo árido e um enorme crânio do que seria um demônio (e não é exagero ao usar o termoenorme“, pois ele é maior que um crânio médio de um humano adulto). Soma-se a isso alguns ossos, crânios e um furtivo roedor. A personagem em si possui linhas bem leves, com uma série de detalhes – como as unhas e brincos – além de adereços esculpidos diretamente no corpo da peça. O rosto agrada, mas poderia ter saído um pouco maisdelicado“. Na média, passa com louvor.

Pintura: A pintura segue o padrão de qualidade para as estátuas produzidas pela Sideshow Collectibles. A peça inteira tem uma pintura impecável. Tudo está “no seu devido lugar“. Temos um rosto muito bem pintado, maquiagem extremamente delicada. Os detalhes da base e o pequeno ratinho também estão muito bem pintados. Ponto para a Sideshow! Ahhhhhh e novamente, os mamilos

Articulações: Não há (é uma estátua) e, por sinal, quase não há juntas aparentes na peça.

Acessórios: Não há acessórios (exceto pelos Crânios, Ossos e o pequeno Roedor que vão presos a base ou pela segunda cabeça caso estejamos falando da versão exclusiva).

Roupa/Vestimenta: Quem conhece a Vampirella sabe que “menos é mais”, ou seja, nada além do seu tradicional, minúsculo e sensual biquíni vermelho, com o já conhecido colarinho branco e morcegos dourados em partes estratégicas. O grande diferencial, quando comparamos com a Comiquette é o biquíni em material similar a látex e as lindas botas (que simulam vinil).

Ano de Lançamento e Fabricante: 2012, Sideshow Collectibles.

Quantidade de peças produzidas: 750 (versão exclusive, a qual acompanha uma segunda cabeça, inclinada e mais “sensual”, além da arte conceitual da peça) e 1.500 (versão regular).

Dimensões: 33,02 cm (H) x 25,40 cm (P) x 36,83 cm (D); 4,54 Kg.

Escala: 1/4.

Valor: Atualmente você encontra a figura entre R$ 1.300,00 e R$ 2.000.

Onde Comprar: a figura utilizada nesse review foi adquirida em nossa loja parceira, a Toyshop Brasil.

Considerações Finais:

Nãomuito o que dizer além de COMPRE! A peça esbanja sensualidade e é um ícone adolescente. Uma figura que não pode faltar nas prateleiras dos fãs da personagem, de vampiros ou mesmo, de heroínas mais, “assanhadinhas“!

Galeria de Imagens

1 comentário em “Vampirella | Premium Format – Sideshow Collectibles [Review]”

  1. Pingback: toyreview.com.br » Brinquedo aqui é coisa séria! » Miss Marvel | Premium Format – Sideshow Collectibles [Review]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.