Enquanto os clubes brasileiros estão disputando o principal campeonato de futebol do país, a Panini promove a maior troca de figurinhas do álbum do Brasileirão 2018 e diversas atrações para entreter o público e incentivar os colecionadores a completarem seus álbuns. A segunda edição do Panini Day acontecerá neste sábado, 22 de setembro, das 10 às 17 horas, no Estádio do Pacaembu e no Museu do Futebol, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, em parceria com as Secretarias Municipais de Cultura e de Esporte e Lazer de São Paulo e com o apoio da Rádio 89 FM.

O objetivo é proporcionar a maior troca de figurinhas de São Paulo, em um espaço exclusivo, durante um dia inteiro de experiências com a marca. Além de preencher o livro ilustrado do Brasileirão, a ideia é que os colecionadores possam levar outros álbuns para completarem todas as coleções.

O evento contará com um turbilhão de figurinhas, onde os colecionadores terão a oportunidade de resgatar, em um tempo determinado, o maior número possível de cromos que estarão voando por todo lado dentro de uma cabine; espaço para tirar fotos com a moldura das figurinhas de todos os times; campeonato de bafo; chute a gol valendo brindes para quem conseguir acertar e um palco para obter autógrafos de ex-jogadores que marcarão presença no evento e tirar fotos com eles.

Já dentro do Museu do Futebol, chuvas de figurinhas com prêmio especial completarão o dia de diversão! Programadas para às 11h e às 16h, os participantes que encontrarem o card do museu debaixo da “chuva” ganharão um kit com 100 figurinhas! E mais: álbuns do Brasileirão 2018 serão distribuídos aos visitantes ao longo do dia.

“Realizamos o Panini Day em maio deste ano, com foco na Copa do Mundo. O evento foi um grande sucesso, por isso planejamos uma segunda edição com muitas atividades, tanto para as crianças quanto para os adultos. Queremos tornar esse dia inesquecível para o colecionador, que, além de trocar figurinhas, terá a oportunidade de conhecer pessoas e fazer novas amizades. As coleções possibilitam essa interação entre famílias, amigos e conhecidos e é isso que queremos proporcionar ao público”, diz José Eduardo Martins, presidente da Panini Brasil.

“O Panini Day é um evento muito positivo porque celebra a paixão pelo futebol e proporciona o encontro de gerações em torno desse sentimento. Para o Museu do Futebol é uma alegria participar de mais uma edição”, complementa Eric Klug, diretor executivo do IDBrasil, organização social responsável pela gestão do Museu do Futebol.

Panini Day

  • Data: 22 de setembro
  • Horário: das 10h às 17h
  • Local: Estádio do Pacaembu e Museu do Futebol 
  • Endereço: Praça Charles Miller – Pacaembu, São Paulo (SP)

* Estacionamento na Praça Charles Miller, sendo necessário uso de Cartão Zona Azul Digital (CAD). 1 CAD vale por 3 horas na Charles Miller e custa R$ 12. Ele pode ser adquirido por meio de aplicativos para celulares ou em postos oficiais. Mais informações no site da Companhia de Engenharia de Tráfego – CET cetsp.com.br.

  • Museu do Futebol: Praça Charles Miller, S/N – Pacaembu, São Paulo (SP)
  • Funcionamento: Terça a domingo, 9h às 18h (bilheteria até as 17h)
  • Ingressos: R$ 12 | Meia-entrada: R$ 6 | Entrada gratuita às terças-feiras.

* O Museu normalmente não abre às segundas-feiras.

* Horários diferenciados de funcionamento em dias de jogos no Estádio do Pacaembu. Consulte o site museudofutebol.org.br.

Sobre a Panini

O Grupo Panini, estabelecido há mais de 57 anos, com fábricas em Modena, na Itália, e no Brasil, e subsidiárias em toda a Europa, América Latina e Estados Unidos, é líder mundial no setor de colecionáveis e líder em publicações de quadrinhos, revistas infantis e mangás, na Europa e na América Latina. A empresa possui canais de distribuição em mais de 130 países e emprega uma equipe de mais de 1.200 pessoas.

Sobre o Museu do Futebol

Inaugurado em setembro de 2008, o Museu do Futebol está instalado em uma área de 6,9 mil metros quadrados que fica embaixo das arquibancadas do Estádio Paulo Machado de Carvalho, conhecido como Pacaembu. Trata-se de um espaço interativo, lúdico e multimídia, no qual a história do esporte mais popular do Brasil acaba se confundindo com a própria história do país.

A exposição de longa duração do equipamento está espalhada por 15 salas, com 1.500 imagens e cinco horas de vídeos. O percurso está alicerçado em três eixos (emoção, história e diversão).

O Museu do Futebol é uma iniciativa do Governo e da Prefeitura de São Paulo, com concepção e realização da Fundação Roberto Marinho. Pertence à rede de museus da Secretaria da Cultura do Estado e é gerido pelo IDBrasil Cultura, Educação e Esporte, Organização Social de Cultura. O museu conta com patrocínio máster da Motorola e patrocínio do Grupo Globo, e seu Programa Educativo conta com o patrocínio do Pontofrio/Fundação Via Varejo, todos por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

 

Leave a reply