Personagem

Fera (Beast em inglês) é o alter-ego do Dr. Henry “Hank” Philip McCoy, um personagem dos quadrinhos americanos do Universo Marvel, publicados pela Marvel Comics.  É um mutante e atual membro dos X-Men. Foi criado por Stan Lee e Jack Kirby e sua primeira aparição ocorreu em X-Men #1 (setembro de 1963). Lutando contra seus impulsos ferais e medo da solidão e da rejeição, o peludo e azul Fera dedica todos os seus dons físicos e sua mente brilhante a criação de um mundo melhor para homens e mutantes. Hank é bioquímico e um proeminente ativista político. Ele é um indivíduo brilhante. As vezes fala em frases pretensiosas. Apesar de ser muito brincalhão, quando surge uma luta ou pesquisa é incrivelmente sério e leal.

É possível que a mutação de Fera seja resultado de um atavismo genético (ou em outras palavras, traços genéticos que ressurgem em uma espécie após muitos anos adormecidos), o que explicaria porque tem um cérebro moderno em um físico de besta. Hank McCoy tem força e resistência sobre-humanas, assim como velocidade, agilidade, e coordenação motora; pode executar muitas tarefas com seus pés tão facilmente como um ser humano faria com suas mãos. Devido a seus dons e treinamento na Sala de Perigo (Danger Room), Fera pode saltar ultrapassando qualquer atleta de nível olímpico.

Realizando experimentos com sua mutação, Hank deu-se inadvertidamente a pele (originalmente normal) cor azul e uma aparência mais simiesca. Depois de um ferimento grave, ele sofreu uma segunda mutação, mutando para uma aparência mais felina. Seu nível de força e de velocidade sobre-humanas, junto com seus sentidos, aumentaram com o passar do tempo devido a essas mudanças fisiológicas, mas deve-se notar que permanecem mais um resultado de sua fisiologia avançada, do que qualquer outra forma de intervenção externa. Desde que mudou para sua forma felina, ganhou poderes de regeneração acelerada que permitem que cure ferimentos graves dentro de alguns minutos, enquanto que em seres humanos normais podem levar dias.

Hank é duplamente dotado, não somente tendo as habilidades fantásticas concedidas por sua mutação, mas também possuindo um intelecto brilhante. É um bioquímico reconhecido mundialmente, e o homem que encontrou a cura para o Vírus Legado. Sua inteligência e perícia extraordinárias em genética rivalizam com as do Professor X. Apesar disto, ele nunca recebeu um Prêmio Nobel ou foi convidado a Academia Nacional de Ciências, pois seus “colegascientistas o julgam mais por sua aparência bestial, do que pelo gênio científico que é (sendo este fato a concretização de seu maior medo). Um homem renascentista, McCoy é versado em lingüística, literatura, filosofia, história, arte, e em música, com uma afinidade especial para a ciência e a tecnologia, tendo também uma queda para citar clássicos literários. Hank é um virtuoso no piano e aprecia um jogo ocasional de xadrez. Tem também um grande senso de humor e extenso vocabulário.

 

Detalhes da Peça

Embalagem: A primeira coisa que posso dizer com relação a embalagem dessa peça é que a mesma é bem grande e pesada (lembrando que a escala das Comiquettes da Sideshow em sua maioria é de 1/5), se tratando de uma figura da linha Comiquette da Sideshow Collectibles, parecendo muito mais, por seu tamanho e peso, com as embalagens da linha Premium Format, devido a isso, posso afirmar que temos aqui uma figura bem “densa” – em todos os sentidos (a caixa pesa em torno de 5Kg). Seguindo o velho costume – e praticamente um “bordão“, nas embalagens de estátuas produzidas pela Sideshow Collectibles a embalagem é de papelão, com arte temática de acordo com o personagem na parte frontal – nesse caso a embalagem é bem simples em suas partes laterais e traseira, trazendo uma arte minimalista que imita metal, possivelmente para criar uma alusão aos laboratórios da Mansão Xavier.  As peças vêm todas protegidas individualmente embaladas em pequenos sacos plásticos. Por fim, todas as partes são encaixadas no isopor, propiciando a proteção adequada para esse material, o qual é consideravelmente frágil (resina cold-cast). Ou seja, nada além daquilo que já estamos acostumados a encontrar nas linhas Comiquette e Premium Format da Sideshow Collectibles.

 

Escultura: Essa é a primeira Comiquette masculina que faço uma análise/review e estou muito satisfeito com a qualidade da peça. O contraste entre as partes com pêlos e as cobertas com o uniforme está muito bem realizado – existe harmonia na peça. A maneira como a pelagem foi modelada nos remete leveza, como se o mesmos tivessem um caimento real, isso sem mencionar os detalhes das rugas nos pés/calcanhares. A musculatura por baixo do uniforme está muito bem delineada. Um dos pontos mais interessantes da escultura é a sua base, que  remete a um equipamento de laboratório onde Hank se senta e faz suas pesquisas em uma pilha de livros. Devemos dar atenção especial ao semblantebestial” e ao mesmo tempo “sereno” e “pensativo” da face da figura, enquanto McCoy folheia um livro sobre evolução embrionária segurando seus óculos em uma das mãos. A escultura é composta de quatro peças principais, sendo: base, corpo, livros e mão com óculos (que é feito de um plástico muito frágil e que, se continuamente manipulado, pode vir a quebrar). A menção honrosa da peça, em minha humilde opinião, são os detalhes dos livros, que simulam papel e possuem informações e ilustrações que podem ser lidas e em cores.

Pintura: As Comiquettes são um “prato cheio” para erros e acertos no quesitopintura“, como não há partes em tecido (0 que acontece nas figuras em mixed-media ou Premium Format), 100% daquilo que vemos é resultado da obra ou do escultor, ou do pintor e, por sorte, a Sideshow Collectibles não errou a “mão” com essa peça. Muito azul nos pêlos, muito preto e dourado no uniforme, não tinha como ser diferente. O sombreamento dos pêlos para transmitir noção de profundidade está impecável, minha única ressalva para a peça foi um pequenodefeito” encontrado nos glúteos do personagem (OK, sem falsos pudores, na bunda do Fera – vide foto abaixo), como se a tinta tivesse sido arrancada enquanto ainda secava. A escolha das cores para a base cumpre perfeitamente seu papel, passando a impressão de ser constituída de metal.

Articulações: Não possui.

Acessórios: A figura não acompanha acessórios (talvez seja válido mencionar aqui os itens inclusos na base, como os livros).

Roupa/Vestimenta: Não há partes de tecido como nas estátuas Premium Format, sendo o uniforme fixo ao corpo da personagem, fazendo parte da escultura. O uniforme retrata a fase “felina”, trazendo um tom mais “genéricoutilizado pelos estudantes da Escola Xavier, nas cores Dourada e Preta.

Ano de Lançamento e Fabricante: 2011, Sideshow Collectibles.

Quantidade de peças produzidas: 200 (versão exclusive, a qual acompanha arte conceitual e uma segunda mão segurando um livro) e 500(versão regular).

Dimensões: 43,18cm (H) x 25,4cm (P) x 25,4cm (D); 4,54 Kg.

Escala: 1/5.

Valor: Atualmente você encontra a figuraem torno de R$ 999,00.

Onde Comprar: a figura utilizada nesse review foi fornecida por nossa loja parceira, a Toyshop Brasil (não se esqueça de solicitar seu cupom de desconto aqui).

Considerações Finais:

A melhor encarnação do Fera já lançada até o momento. Design primoroso e muito bem detalhado, para os fãs dos X-Men, Vingadores ou apenas apreciadores desse genial mutante, uma belíssima – e mandatóriaaquisição. Mais do que recomendado!

Galeria de Imagens

 

Leave a reply